Conheça o Grupo de dança cultural do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) de Maturéia

O Grupo de dança cultural do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) de Maturéia se destacou na programação cultural da volta do São João fora de época no município. Além da apresentação da quadrilha na abertura do festejo junino, o grupo de dança, denominado companhia de dança Eliene Barbosa, realiza diferentes apresentações culturais. 

O grupo de dança surgiu em 2003 através da área cultural dos trabalhos socioassistenciais a crianças e adolescentes realizados pelo Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). O grupo de dança é formado por mais de 40 integrantes, sendo crianças e adolescentes participantes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) no município.

Danças folclóricas de diferentes modalidades são realizadas pela companhia de dança, entre as mais destacadas estão as apresentações de danças com pernas de pau, uma forma inovadora para realizar danças populares. O coordenador do grupo e também coreografo João Paulo, que faz parte do SCFV de Maturéia, é o responsável pelas apresentações do grupo, juntamente com o Diretor de Cultura de Maturéia, Sandro ítalo, que colabora para as exibições da companhia de dança em eventos municipais de Maturéia e também em outras cidades.

Recentemente, o grupo de dança do SCFV teve grande destaque no São João de Maturéia, responsável pela abertura do evento na cidade e o inicio da programação cultural da festividade junina, a grupo realizou a apresentação de uma quadrilha junina especialmente elaborada para o São João de Maturéia, com uma coreografia exclusiva e versos poéticos dispostos nas músicas da apresentação.

A quadrilha foi pensada observando a vida do sertanejo, englobando a cultura regional e local. O roteiro da apresentação da quadrilha foi idealizado pelo diretor de cultura, Sandro Ítalo, que almejava uma apresentação exclusiva e atraente aos públicos presentes. No decorrer da apresentação, os versos poéticos eram declamados retratando a história e o cotidiano dos sertanejos e moradores de Maturéia. Os versos foram criados por o matureense, Delio Pedrosa, e declamados por o também popular de Maturéia, Gabriel Moraes.

As roupas dos integrantes da quadrilha criadas por Sandro ítalo e confeccionadas por a costureira e moradora de Maturéia, Dona Lurdes, foi outro destaque do grupo de dança. A beleza das roupas e a riqueza de detalhes encantaram o público.

O grupo de dança do SCFV já realizou diversas apresentações em diferentes modalidades de danças, sempre evidenciando aspectos culturais da região sertaneja. Sobre o propósito da existência do grupo, Sandro Ítalo enfatiza a importância da dança em relação à divulgação da cultura. “Divulgar a cultura paraibana e nordestina através da dança, e tornar o trabalho cada vez melhor usando a dança” destacou.

Em relação à apresentação da quadrilha junina do grupo de dança do SCFV na abertura do São João de Maturéia, o diretor de cultura faz agradecimentos aos pais das crianças e adolescentes, participantes da quadrilha junina, pela confiança, e o empenho da Secretária de Assistência Social, Vanessa Barbosa, e da primeira dama e Secretária adjunto de desenvolvimento humano, Maria Margarete, para com a realização da apresentação. Além do agradecimento de todo o apoio logístico da Prefeitura Municipal de Maturéia, e dos demais colaboradores para a realização da apresentação cultural do grupo no festejo junino do município.