Escola Maria Tâmara realiza projeto “Novembro Negro” em alusão à Consciência Negra

Todos os anos a Escola Municipal Maria Tâmara Souza do Nascimento realiza eventos para evidenciar o dia da Consciência Negra, 20 de Novembro, e este ano não foi diferente. A Escola idealizou o projeto “Novembro Negro” com o desenvolvimento de várias atividades artísticas e de aprendizagem junto aos alunos.

Novembro Negro foi um projeto idealizado pela gestão da Escola e coordenado pelo supervisor de ensino, Jorge Miguel Lima, e consistiu em várias atividades relacionadas à introdução dos negros na sociedade brasileira e a valorização das suas tradições culturais.

O objetivo das atividades foi de proporcionar a reflexão de alunos e de toda a sociedade sobre a luta contra a discriminação racial e de promover a igualdade de raças e crenças, além de mostrar o valor da cultura negra.

“O projeto tem o objetivo principal de despertar no aluno e a sociedade para um fato real, que é a descriminação racial, o preconceito, e que sempre é ignorado como se não existisse. Com esse projeto, a Escola busca envolver a comunidade escolar e a sociedade, conscientizando-os no aspecto cultural e o tipo de vida que leva os nossos descendentes” explicou a professora Elizabete Barreto.

Palestras, caminhadas com alunos, aula de campo, exibições de trabalhos feitos por alunos e professores, apresentações de musica e dança, dramatização de histórias, e desfile para eleger a “Pérola Negra”, foram algumas das atividades realizadas ao longo do projeto e na sua culminância, dia 24 de Novembro.

Veja fotos da realização do projeto