Imagem

 

O Conselho Municipal de Saúde se reuniu nesta quinta-feira (31) para analisar a situação do municipal e planejar a ação de enfrentamento das arboviroses 2022. O plano de contingência tem como base medidas estratégicas e ações de prevenção dos possíveis casos de dengue, chikungunya e zika vírus no município.

A implementação do plano visa o controle do vetor aedes aegypti, mosquito transmissor das arboviroses.  As ações de prevenção e controle do mosquito, principalmente no período de chuvas, têm o objetivo de alcançar a meta referente ao combate do vetor para prevenção dos casos de arboviroses no território municipal.

Dentre as metas que compõem o plano estão:

-  Conservar o Município de Maturéia - PB sem presença do vetor, em caso da presença deste, trabalhar para a erradicação do vetor e controle, além do tratamento da doença;

- Reduzir a taxa de morbimortalidade causadas por arbovirose no município;

- Notificar e investigar em tempo oportuno 100% dos casos dengue, formas atípicas de chikungunya e gestantes com suspeita de zika;

- Reduzir o índice de infestação predial a menos de 1%;

- Realizar um plano de mídia para alçar o máximo da população do município.

O plano será coordenado pela Secretaria de Saúde, Conselho Municipal de Saúde e Vigilância em Saúde, a fase de prevenção será iniciada por todos os órgãos envolvidos, principalmente na remoção de criadouros do mosquito transmissor da dengue e medidas adequadas, conforme orientação da vigilância epidemiológica.