Imagem

 

 

O município de Matureia aderiu à Estratégia Nacional de Prevenção e Atenção à Obesidade Infantil (Proteja), que reúne ações para deter o avanço da obesidade em crianças. São promovidas atividades nas escolas municipais, com atendimento nutricional e realização de exercícios físicos com as crianças.

A iniciativa já foi desenvolvida na Creche Santa Cecília e na Escola José Ramalho Xavier, onde profissionais de saúde verificam peso e estatura dos alunos para identificar crianças que se encontram no quadro de obesidade infantil. As crianças que forem identificadas com excesso de peso, no quadro de obesidade, serão acompanhadas por equipe profissional para que saiam da taxa de obesidade.

As atividades físicas também fazem parte do programa Proteja. São realizadas atividades práticas com as crianças nas escolas, sob a coordenação do Profissional de Educação Física, Édipo Alves, que promove exercícios de acordo com a faixa etária dos alunos, trabalhando a coordenação motora, velocidade e agilidade.  

O Proteja é um programa do Governo Federal tem como objetivo deter o avanço da obesidade infantil e contribuir para o cuidado e para a melhoria da saúde e da nutrição das crianças. O programa reforça a responsabilidade de cuidar e incentivar crianças a adotar uma alimentação saudável e a praticar atividades físicas.

 

O programa possue os seguintes eixos:

  • Vigilância alimentar e nutricional, promoção da saúde, prevenção do ganho excessivo de peso, diagnóstico precoce e cuidado adequado às crianças, adolescentes e gestantes, no âmbito da Atenção Primária da Saúde;
  • Promoção da saúde nas escolas, para torná-las espaços que promovam o consumo de alimentos adequados e saudáveis e a prática regular de atividade física;
  • Educação, comunicação e informação para promover a alimentação saudável e a prática de atividade física para toda a população brasileira, em especial as crianças;
  • Formação e educação permanente dos profissionais envolvidos no cuidado às crianças;
  • Articulações intersetoriais e de caráter comunitário que promovam ambientes saudáveis e apoiem a alimentação saudável e a prática de atividade física nas cidades.

 

Fonte: https://aps.saude.gov.br/noticia/14037