Imagem

 

O Secretário Municipal de Saúde, Hércules Oliveira, e os Agentes Municipais de Combate a Endemias conheceram na cidade de Condado – PB uma nova tecnologia para controle de vetores. O projeto piloto de criação da espécie de peixe Poecilia Reticulata, mais resistentes às águas turvas ou com teor de cloro elevado, potencializa o combate ao mosquito aedes aegypti.

Os Agentes de Combate a Endemias, Ricardo Ramalho, Rafael Vieira e Rivanildo Farias estão à frente do projeto. Os agentes apresentaram aos profissionais de Matureia o panorama e a importância dos peixes da espécie Poecilia Reticulata em cenários epidemiológicos de doenças causadas pelo mosquito aedes aegypti.

A nova estratégia vem melhorando o trabalho no peridomicílio dos imóveis, auxiliando no combate contra infestações de vetores, além de proporcionar um trabalho mais efetivo e de segurança para os Agentes de Combate a Endemias.

O projeto permite a adequação de outros municípios ao novo método de controle, gerando um trabalho de cooperação e integração entre municípios da região.